Buscar
  • Tiãozinho Safrater

Bate-papo com documentarista Lucca Messer

Alunos do CAJ2, do Cetecc, também receberam online um documentarista

de destaque: Lucca Messer, que trabalha na elaboração de documentários

voltados para inclusão.



A turma escutou o relato sobre a profissão de documentarista, a carreira, motivações e desafios do profissional. Os participantes fizeram muitas perguntas pertinentes, e as diretoras do Cetecc também participaram. Valeria, uma delas, conta que o convidado é amigo de sua filha, que eles já realizaram alguns trabalhos em parceria. E explicou como foi o evento.


“Neste encontro, ele ressaltou a importância dos documentários para o conhecimento e a possibilidade de serem feitos com poucos recursos”, diz. Os alunos, ela conta, também prepararam perguntas que ajudaram a conhecer o início da carreira do Lucca, sua vida escolar, seu interesse pela fotografia, inicialmente, e os documentários que ele já fez”, diz.


“Ele enfatizou o uso da pesquisa como primeiro item a ser observado para a elaboração do documentário, nos contou como planeja o que pretende fazer, o ‘poder da escuta’ quando vai a campo e a empatia ao ouvir os personagens da história que está criando”, acrescenta. Lucca adorou e aprovou o evento. “Tenho muita alegria em poder compartilhar um pouco da minha experiência com todos”. Quem quiser segui-lo no Instagram é só acessar luccamesser na rede.




Uma matéria no site da Revista Trip também é super legal para conhecer mais o trabalho do Lucca: “O fotógrafo Lucca Messer foi às periferias registrar como a falta de acessibilidade e políticas públicas mantém as pessoas com deficiência socialmente isoladas desde muito antes da Covid-19”. Clique no aqui para ver.


É assim que a Trip apresenta o colaborador: Lucca Messer nasceu numa cidade litorânea na Inglaterra, mas veio para o Brasil aos 4 anos, quando seus pais se mudaram para São Paulo. Aos 17, decidiu seguir a vida na fotografia e, aos 19, começou a trabalhar como assistente de profissionais como Mario Testino. Logo alçou voo solo, trabalhando com cinema e fotografia entre São Paulo e Londres. Hoje Lucca se dedica principalmente a produção de conteúdo e documentários de impacto social para marcas e implementa estratégias transmídia para todos os projetos que desenvolve. Em 2019, ele fundou a ONG Assim Somos, agência que representa, capacita e cria conteúdo com artistas com deficiência.

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo