top of page
Buscar
  • Foto do escritorTiãozinho Safrater

Visita à Expo Favela Innovation abre um leque de possibilidades para empreender

cedesp


A Expo Favela Innovation São Paulo 2023, maior feira que conecta favelas e empresas na América Latina, aconteceu nos dias 16, 17 e 18 de março, e contou com a participação de grandes nomes do empreendedorismo, da cultura, inovação e do entretenimento, tais como: Bianca Andrade, Luciano Huck, MV Bill, Rincon Sapiência, Carola Matarazzo, Igor 3K, Kondzilla, entre outros. O evento é organizado pela Favela Holding com parceira social da Central Única das Favelas (CUFA) e produzida pela InFavela. O Centro de Desenvolvimento Social e Produtivo (CEDESP) Safrater visitou a Expo Favela 2023 no dia 17 de março, quando os participantes tiveram uma experiência incrível. A feira ofereceu diversas alternativas de atividades ligadas ao empreendedorismo periférico, como palestras, workshops, apresentações de música, danças, recital de poesia, artes manuais, feira de livros e mostra de filmes, além de um espaço de convivência e troca, com música e ambiente acolhedor para distração, baseado na cultura da favela.


Um levantamento mostrou ao público que se as favelas brasileiras formassem um estado, seria o 3º maior do Brasil em população, com 17,9 milhões de habitantes.



Para os usuários do CEDESP e todo o público, esse evento foi uma oportunidade única de expandir as possibilidades no sentido de terem acesso às novas propostas e ferramentas socioeducacionais.

No primeiro dia do evento, Renato Meirelles, fundador do Data Favela, empresa de pesquisa do Grupo Favela Holding, também participou da abertura do evento e divulgou uma pesquisa inédita, realizada pelo próprio instituto.


O levantamento mostrou ao público que se as favelas brasileiras formassem um estado, seria o 3º maior do Brasil em população, com 17,9 milhões de habitantes. Segundo os dados da Data Favela 2023, o número de favelas dobrou na última década, totalizando 13.151 mapeadas pelo país. E não foi só isso, a renda movimentada pela população destas comunidades também aumentou e quebrou a barreira dos R$ 200 bilhões – mais de R$ 12 bilhões a mais em relação ao último ano.


Laíse Lobato, 33 anos, Gerente do CEDESP Safrater, conta: “O Serviço vem trabalhando nas atividades de convívio, a importância da participação social e cidadã na construção de uma sociedade menos excludente e com mais equidade, principalmente para quem mora e vive a sua comunidade. A visita a Expo Favela vem para coroar esse processo de reflexão e empoderamento. É uma grande oportunidade de ver de perto a excelência do que é produzido na favela. São expositores, empreendedores periféricos, ideias inspiradoras como feiras literárias, novas tecnologia, artes e muito mais!”

9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page